Res(um)o

Aprendi com uma professora linda que tive, na época da escola ainda, que só fazemos a introdução de um trabalho quando terminamos o trabalho. Sim, porque fica muito mais fácil introduzir e resumir algo que já está pronto, encaminhado, definido. Já passou por todas as dúvidas, mudanças e desequilíbrios. Mesmo que os desequilíbrios continuem, ele está equilibrado em si mesmo. como uma força que mantém de pé tudo o que está escrito. Simplesmente porque está.

Mas como fazer um pré-texto sem um pretexto? Sem ao menos um rascunho feito à punho? Melhor desdizer a definiçao e pular pra algo mais genérico, amplo e feliz: esse blog é sobre muitas coisas!

Fácil, não?

Esse post foi publicado em O início de tudo. Bookmark o link permanente.

5 respostas para Res(um)o

  1. marilia disse:

    Ju!!!!
    Nem sabia q vc estava com esse blog…vi o link no facebook e vim correndo ver oq tu tava aprontando. E adorei!!! Vou acrescentar aos meus blogs favoritos…:)
    Boa sorte nessa nova empreitada🙂

  2. thereza martins disse:

    e eu já gostei…
    beijos

  3. Iracy disse:

    Juliana… adorei seu blog… mesmo!!! Vou tentar me aventurar com essas suas receitas…rs. Um beijinho… Iracy.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s