Penne ao molho branco com filé e água de coco

Já é sabido por aí que essa aprendiz que vos escreve tem aversão à coco. Não se sabe bem de onde veio esse trauma, se é que é mesmo um trauma, mas eu sei é que não consigo mastigar nem aquela coisa gosmenta que vem dentro do coco verde e também não suporto o ranger entre os dentes que o coco seco faz. Fora isso – o não gostar – coco é algo que não me faz bem. Me dá um embrulho no estômago. Apesar de amar doces, pode comer sua cocada tranquilo que eu não vou ficar olhando com cara de cachorro pidão, não, pelo contrário.

Entretanto, estou entre as fãs mais tietes da água do coco: é gostosa, me faz muito bem e traz inúmeros benefícios à saúde. O leite do coco não me atrai tanto, mas também consumo normalmente e confesso que pode mudar um prato para melhor.

Aproveitando que esse tema estava em “voga” aqui em casa e eu tinha uma garrafa cheinha dessa água-soro (de coco natural, claro), resolvi testar esse pratinho diferente num domingo bem folgado. Fiquei na dúvida ao dar meu nome à receita, pois soaria muito estranho, pra mim, ter o nome ao lado da palavra “coco”. É, deve ser trauma de infância mesmo.

Penne ao molho branco com filé e água de coco

Ingredientes (para duas pessoas):
250g de penne Grano Duro
250g de filé em pedacinhos
100ml de iogurte natural
3 colheres de sopa de requeijão
150ml de água de coco
Cominho em pó
Azeite de oliva
Sal e pimentas a gosto

Modo de preparo:
Para cortar a carne, eu prefiro que ela esteja semi-descongelada. No meu caso, tirei do congelador na noite anterior e a cortei quando ainda estava um pouco dura. Coloque os pedaços em um saco plástico (próprio para comidas) e coloque sal, azeite pimenta e cominho a gosto. Misture os ingredientes com a carne apertando o saco pelo lado de fora. Deixe marinar* por 30 minutos.
Coloque a água da massa para ferver (dois litros e meio de água e sal até ficar com “gosto do mar”). Siga as instruções da embalagem da massa que está usando.
Enquanto a água ferve, faça o molho: frite a carne em uma frigideira com azeite virando os pedaços de vez em quando. Acrescente o iogurte e o requeijão e tempere com cominho (duas pitadas), sal e pimenta. deixe o molho engrossar um pouco e acrescente a água de coco. Deixe reduzir até a metade ou até o molho ficar consistente. Ajuste o sal e a pimenta.

*Marinar é deixar um alimento em uma mistura de temperos para incorporar o gosto antes de cozinhá-lo. Geralmente temos uma base (como o azeite ou o iogurte) e nela acrescentamos os outros ingredientes (sal, limão, ervas etc.).

Esse post foi publicado em Na cozinha. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Penne ao molho branco com filé e água de coco

  1. Ficou com uma cara que tava bom…😀

    • jucampelo disse:

      Ficou mesmo, Lu! No outro dia, o que sobrou ficou com o gosto do coco mais acentuado (o que pra mim não é legal hehehe) mas na hora que ficou pronto estava uma delícia.
      Bjo 😉

  2. Carolina Maia disse:

    Aaafe maria que delícia!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s