Panquecas (e um saudoso café da manhã)

Domingo de manhã costuma ter clima de preguiça. Mas ao mesmo tempo, talvez por acordamos mais tarde, dá vontade de um café da manhã bem reforçado. Não sei por que, nesse eu acordei cedo e estava com ânimo e disposição para cozinhar. Acho que porque estava doida para provar um presente que ganhamos há alguns dias de um casal de amigos muito queridos: uma garrafa de maple syrup (xarope de bordo) orgânico enviada diretamente das terrinhas geladas (que agora está mais quente que aqui, né, meninos?) do Canadá.

Não avisei pro Marido, que dormia profundamente a essa hora, porque quis fazer surpresa. Mentira. Era porque eu achava que iria dar tudo errado: nunca tinha feito panquecas na vida. Mas te digo, caro leitor, é muito, muito fácil mesmo. Algumas receitas (a maioria) pedem para passar tudo no liquidificador ou processador, ou mixer, mas, preguiçosa  prática que sou, misturei tudo na mão mesmo e deu tudo certo. Outras pedem pra gente colocar claras em neve. Creio que deve valer a pena, mas eu não estava a fim de levar essa pena em troca de alguns “hummms” a mais, não.

Essa receita, que tirei daqui, foi uma das mais fáceis que achei e ficou deliciosa! Comemos com ovos mexidos com queijo, geleia de framboesa, requeijão, doce de leite e, é claro, muito maple syrup!

Do mesmo jeito que quando como doce de leite La Salamandra, quase consigo ver Buenos Aires de novo na minha frente e sentir aquele cheiro da cidade, lembrei muito dos nossos queridos Marcio e Tuana ao comer o tão esperado maple. Lembramos muito deles, mas, mais ainda, senti uma saudade de algo que eu nunca vivi (ainda) com eles lá no Canadá (será possível?). O cheiro de dentro da garrafinha me transportou, mesmo que por alguns segundos, para esse país tão distante, mas, por já sabê-lo “tão bem”, através deles, pareceu-me aqui, bem pertinho.

Panquecas saudosas 

1 xícara (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 pitada de sal
1 colher (sopa) de açúcar
1 xícara (chá) de leite
1 ovo
3 colheres (sopa) de creme de leite fresco
2 colheres (sopa) de manteiga derretida
Manteiga para untar

Modo de preparo

Numa tigela misture todos os ingredientes secos, faça um buraco no meio e acrescente o leite, ovo, manteiga derretida, creme de leite e misture bem com o auxílio de um fouet (eu mexi com uma colher mesmo). Unte uma frigideira e com uma concha acrescente a massa na frigideira já quente! Deixe dourar e depois vire a massa, com ajuda de uma espátula.

Fonte: Quitandoca

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

13 respostas para Panquecas (e um saudoso café da manhã)

  1. Marilia disse:

    hummmmmmmmmm….pareceu bom mesmo, ainda que eu não coma panqueca de manhã, nem panqueca doce. Vai ver não sei o que estou perdendo. Esse maple syrup é igualzinho a um que minha irmã mais nova, a Marina, trouxe do seu intercâmbio no Canadá. Lembrei na hora! Ela trouxe dizendo que era oq havia de mais moderno, mas, talvez por esse meu preconceito de comer panqueca de manhã, acabei que nem provei.
    E ó, esse negócio de comer coisa e se teletransportar pra um lugar que vc já visitou ou que sonha visitar é mesmo tudooooooooo de bom. Por isso que quando volto de viagem, prefiro trazer coisas comestíveis, pq assim a viagem duraaaa que é uma beleza. Fora que quando acaba, a gente fica naquela animação pra ver se nos supermercados brasileiros tem algo parecido.

    Bom domingo pra vc, Ju.

    ps: tava sumida ne?

    • jucampelo disse:

      Ah, menina, você não sabe mesmo o que está perdendo. Eu, como fã de café da manhã e lanches gosto bastante dessas gostosuras.
      A comida tem esse poder mesmo, de fazer a gente lembrar do lugar, dos momentos, mesmo que não sejam tão visíveis quando estamos comendo. é uma coisa estranha, mas fantástica, não é? Mesmo que seja da casa de uma colega na infância ou de alguém aqui pertinho no nordeste mesmo, consigo lembrar de momentos pelo paladar.
      Bom domingo e boa semana, Marília!

      p.s. quer alguma coisa daqui da terrinha? rsrs.😉

  2. Que delícia começar o dia assim, hein? Por aqui também tem café da manhã caprichado aos domingos! É sempre muito bom aproveitar o dia da preguiça e comer bem, né? beijos

    • jucampelo disse:

      Oi Bruna! Foi muito gostoso mesmo acordar cedinho e caprichar no café. Tentarei fazer isso mais vezes! rs.

      Beijão😉

  3. tutuka disse:

    Juuuuu!! Que bom que o maple syrup chegou são e salvo às mãos de vocês. Fiquei muito preocupada se ele iria aguentar na mala do Dharien. E que panquecas lindas essas, hein? Vou tentar essa tua receita, mas a receita que eu sempre faço também fica bem boa. É o panquecas americanas II do blog da Lua (http://quichedemacaxeira.blogspot.com/2007/01/panquecas-americanas-ii.html). A massa fica igual a uma esponja, e absorve bem o maple. Com a gente tb é assim, domingo a gente acaba comendo um café da manhã reforçado e acaba almoçando bem tarde, ou nem almoçando… E hoje a gente vai passar por algo parecido em relação a vocês. Vamos jantar tapioca e cuscus, acompanhado de um cafezinho maroto. Huummm! Vai ser bommm! Saudade boa de vocês… :’-)

  4. jucampelo disse:

    OI Tu! adoramos o presente e chegou inteirinho sim!
    Vou tentar fazer essa receitinha da Lu depois. Deve ser maravilhosa e ela inclusive estava me falando dela justamente hoje.🙂
    Aproveita bem o jantar. Amo essas comidinhas daqui também! nham nham nham hehehheheh

    beijão.

    JU

  5. Amei!!! As panquecas, as fotos, tudo sensacional! Beijão, Cecilia

  6. polivalente disse:

    eu quero esse!

    • jucampelo disse:

      Tá certo, muleca! rsrs. tou chegando😛
      Mas o bom mestre não dá o peixe. Ensina a pescar😉

      Beiju!

  7. Olá! Que coisa boa acordar e ter inspiração para um delicioso café da manhã…
    As fotos ficaram apetitosas =)
    Um bejim!

    • jucampelo disse:

      Olá, Amehlia!
      É realmente muito bom mesmo. Gostaria de ter mais dias como esse. rsrs.

      Obrigada pelos elogios!

      Beijos.
      Ju

  8. Olhe, eu AMEI essa receita! é super prática, funcional e acima de tudo gostosa! todos os amigos que provaram, amaram!!! Parabéns!!!

  9. jorge marques disse:

    Desculpe incomodar mas, ( minha MÃE ja falecida ) preparava uma espécie de panqueca que aprendeu com munha avó síria/libanesa e eu estou tentando repetir a vi fazer algumas vezes mas sabe nos nunca prestamos atenção nos detalhes pois a mamãe esta sempre ali para fazer e derrepente bateu a saudade e estou tentando faze-la se puder me ajude, pelo que lembro do nome é lassai mas não sei se pronuncia ou mesmo se escreve assim, pelo que me lembro ela fritava a panqueca com o açúcar e saia quentinha escorrendo a calda por gentileza se puder me ajude, meu e-mail é jorged.marques@ibest.com.br, muito obrigado

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s